Eleocharis Parvula, Planta de Aquário

Publicidade:

Na hora de escolher uma ou mais plantas que farão parte da decoração e de ambientação do seu aquário é muito importante que a pessoa que está executando esta tarefa se informe precisamente sobre as características de cada uma destas vegetações para saber quais são as formas de utilização mais interessantes para a mesma.

Por exemplo, uma boa dica para as pessoas que estão procurando um vegetal marítimo para compor a parte mais rasteira do aquário é a Eleocharis parvula. Mais do que formar um fundo de aquário muito interessante, as plantas que se formam na parte de baixo são compactas e densas, deixando um efeito muito interessante para o seu “fundo do mar” dentro do aquário.

A Eleocharis parvula costuma se reproduzir bastante rápido dentro do aquário quando consegue encontrar boas condições para isso. Mas nem sempre ela vai conseguir se adaptar com o PH e a temperatura da sua água, por isso é extremamente importante que o dono do aquário faça alguns testes, e caso a planta não consiga prosperar, o mais recomendado e trocar para outras plantas.

Para que a planta consiga ter mais chance de ter um bom desenvolvimento dentro do seu aquário é importante que as pessoas utilizem um substrato que tenha uma granulação em torno de dois a três milímetros, para que as raízes consigam penetrar e se deslocar com facilidade, fazendo assim com que a  Eleocharis parvula tenha mais força quando estiver crescendo.

Uma outra característica da Eleocharis parvula é o fato dela ser uma planta que pede mais iluminação do que maioria dos outros vegetais. Por isso, é importante que ela seja colocada em um aquário onde pegue mais luz do sol diretamente para que ela consiga se desenvolver em toda sua plenitude e com suas cores que realmente deixarão o seu aquário muito mais interessante.

Na hora da plantação, é sempre recomendado que a Eleocharis parvula seja plantada na parte da frente do aquário, mas é claro que isso sempre vai depender da configuração do se aquário.