Outros Cuidados Para Quem Quer Adotar Qualquer Pet

Publicidade:

Quem está querendo adotar um pet, precisa, antes de mais nada, tomar alguns cuidados antes de efetuar a adoção. É importante que tanto a casa, quanto o animal estejam totalmente preparados para a nova vida que irão ter. Vale lembrar que isto é o que se chama de adoção responsável.

Antes de levar seu novo amigo para casa, em particular se for um cão o gato, é preciso especificar o local onde ele ficará na casa. Se for uma animal de grande porte, o ideal é que ele tenha espaço, afinal, não dá para ter um “são bernardo” em um apartamento de 50 metros quadrados. Cães de grande porte precisam de espaço para correr, gastar energia. Confinados, os cães poderão apresentar problemas de saúde, estresse e, em muitos casos, os donos do animal acabam tendo arrependimentos em relação à adoção. Lembre-se que não é correto desistir do animal alguns meses depois.

Então, prepare a casa, para que o seu novo amigo viva com qualidade e ambos possam aproveitar o carinho e a companhia um do outro.

gatos, que costumam necessitar de pouco espaço, também requerem alguns cuidados na preparação do ambiente antes de sua chegada. O ideal é que fiquem em locais onde haja redes de proteção, em particular se for um sobrado ou apartamento. Gatos muito novinhos tendem a pular de janelas e varandas. Então, todo o cuidado é pouco.

Também, certifique-se a respeito da saúde do animal. Busque saber todas as informações necessárias a respeito de seu novo amigo, levando – o ao veterinário para fazer uma consulta e um exame de sangue. Caso haja necessidade, atualize as vacinas. Vemifugue o animal, e faça o controle de pulgas e carrapatos. Também é muito importante, em particular no caso de gatos, que ele seja castrado, caso ainda não tenha sido. Compre alimentação e todos os acessórios necessários, e tire todas as dúvidas sobre os cuidados necessários. Também é fundamental que sejam tiradas todas as dúvidas sobre os cuidados necessários.

Também tenha em mãos todos os documentos necessários, em alguns locais a preocupação é tamanha que é exigido assinatura do termo de responsabilidade, CPF, RG e comprovante de residência. Isto evita que algumas pessoas adotem por impulso e, depois, acabem abandonando novamente os bichinhos.

O ideal é que o animal seja buscado em abrigos, ONGs e Centros de Controle de Zoonoses (CCZ) do município mais próximo. Esses locais possuem pets com todos os tipos de características.